O que eu gosto de saber sobre as pessoas?

largeDesde que me conheço por gente eu fui a anti-social da família (pelo menos é o que diziam). Depois de um tempo, já mais madura, cheguei a algumas conclusões do porquê eu era assim, que são: 1) sou tímida; 2) eu te trato, e reajo a você, de acordo com o quê você despertou em mim; 3) sou uma observadora nata e amo conversar, mas somente quando são conversas fluídas (sabe aquelas conversas que você começa falando do vizinho e termina no sentido da vida?) ou aquelas com conteúdo (com assuntos específicos, como futebol, política ou intercâmbio). Se não, não digo nada mesmo. Normalmente, eu me calo, quando não tenho nada a dizer.

Respondendo o título desse texto, anotei num papel os assuntos que me fazem falar feito doida, e questionar o que está sendo dito. Um deles é intercâmbio, na verdade, é o que me move. Também amo conversar sobre dança, idiomas, fotografia e edição de vídeo. Conversar sobre suas expectativas para o futuro, qual carreira quer seguir, qual faculdade faz ou vai fazer, se a pessoa ama o que ela faz, ou o que ela sonha em fazer, me fascina também. E eu amo falar sobre amor. Ah, o amor… Eu amo saber a história do casal, e sempre pergunto se a pessoa ama mesmo a outra ( e é fácil de interpretar, porque a verdade dita a estranhos sai com mais facilidade). Gosto de saber qual o conceito de amor e de relacionamento que aquela pessoa carrega, o quê ela espera do amor, como gosta de ser tratada, qual seria o ideal, o que ela já passou por se entregar…

Particularmente, eu amo conversar sobre o que move as pessoas, suas paixões, coisas ou atividades que a pessoa ama fazer. Coisas que fazem parte da sua essência.Adoro a troca de informações nessas conversas. Eu mostro minha visão de mundo e a pessoa me mostra a dela. É quase mágico. A vida vale a pena ser vivida, quando se tem conversas assim. Conversas enriquecedoras, que fazem você conhecer a pessoa no seu íntimo.

Enfim, gosto de falar sobre coisas que importam, que brilham os olhos. Gosto de falar de coisas que são intensas, e que fazem você perder o sono, se tiver que escolher uma só. Gosto de saber sobre o indivíduo com quem estou conversando. Amo mergulhar no mundo alheio (acho que assim fica um pouco mais fácil de entender o meu…).

E aí? Bora conversar?

Wishlist de Agosto ♥

FullSizeRender (1)Oi, gente, tudo bem?

Não sei se vocês sabem, mas um dos meus hobbies favoritos é ficar navegando em sites de compra, procurandos coisas maravilhosas pra eu comprar! Sério, eu adoro mesmo!

Então vim aqui compartilhar com vocês algumas das novidades que eu encontrei por aí! Dá uma olhada ;)

IMG_2807

  1. Candle Senses
  2. Porta Retrato Câmera Retrô
  3.  Luminária Globo
  4. Canetas Douradas
  5. Copo Sofa So Good
  6. Toalha Demaquilante
  7. Copo Dourado
  8. Caderneta Dourada
  9. Máscara 2 em 1

IMG_2810

  1. Porta Retrato Dourado
  2. Bloco de anotações
  3. Tatto Fake

IMG_2811

  1. Easy Brush
  2. Base Líquida Fit Me
  3. Máscara de dormir

Passei um tempão navegando nas internetes da vida pra achar esses itens, e adorei cada um deles ♥

E por hoje é só, criançada ;)
Beijos!

 

Comprinhas: Be Emotion, Riachuelo e mais…


IMG_0236Oi, gente, tudo bem?

Depois de muitas décadas estou eu aqui de novo, para minha alegria :)

E voltei com um vídeo que eu AMO ver e fazer, que é o de comprinhas (por motivos de: eu amo comprar hahah). Então assiste aí pra você ver o tamanho do estrago que eu fiz no meu cartão de crédito! :P

IMG_0227IMG_0230IMG_0231IMG_0224

Esse é o site pra vocês comprarem a linha de cosméticos da Be emotion: www.polishop.com.vc/mellalbuquerque. Vai aparecer a minha foto na parte superior da tela, e, caso peça alguma identificação, é só digitar mellalbuquerque ;)

Espero que vocês tenham gostado e se inspirado :)

Tchau, gente!

Até a próxima! xx

 

 

Minha experiência: Dicas de Inglês!

IMG_6067Oi, gente, tudo bom?

Eu tenho uma história interessante com o idioma Inglês, e já passei por várias coisas nessa vida haha, então estou dando dicas de como eu o aprendi, nesse vídeo aí embaixo.

Espero que vocês tenham gostado das dicas, e aproveitem! E se você tiver mais um dica, pode deixar aí embaixo, porque eu estou sempre à procura de novas dicas ;)

Beijos e até mais! :*

Últimos 5 livros que eu li

IMG_6217Oi, gente, tudo bom?

Os últimos livros que eu li foram: #GIRLBOSS (Meu favorito!), da Sophia Amoruso; Nós (outro favorito!), do David Nicholls; Morando Sozinha (também entrou pra minha lista de favoritos!), da Fran Guarnieri; A Viagem (eita, mais um favorito!), do Luiz G. G. Trigo; e Cidades de Papel, do John Green. Gostei muito de todos! E tô explicando mais sobre eles, no vídeo aí embaixo!

Espero que cês tenham gostado, e que tenham ficado animados para ler esses livros (porque são bom mesmo haha).

Beijos e até mais! :*

Desabafo sobre pressão e futuro

blur-green-grunge-move-Favim.com-3160778É difícil decidir alguma coisa quando se tem tanto em jogo. Eu sei lá, não sei se é só comigo, mas parece que quando se trata de futuro tudo fica nebuloso. Eu não consegui ainda achar o caminho que eu vou e quero trilhar. E eu sei que só tenho 19 anos, mas alguma coisa dentro de mim (provavelmente, um traço de personalidade que herdei da minha querida mamãe), me diz que eu já tenho que estar com tudo planejado, e tenho que ter um objetivo claro, metas… Isso é tão eu, que nem parece clichê pra mim.

Eu realmente não sei qual caminho escolher. Pra ser mais exata eu não consigo focar em alguma coisa. I want it all. O problema é que eu não posso ter tudo (eu e ninguém também). E isso meio que me frustra. Eu gosto de tanta coisa. Tanta coisa. Queria fazer várias ou todas elas. Tem hora que eu tô focada no blog, depois quero só me focar na faculdade, e na outra eu quero dançar, depois quero ser saudável, depois quero poder comer tudo que tem de gostoso e não ligar pra nada, depois quero focar em trabalhar e pronto. E o mais clássico, quero ganhar na loteria (e, certeza, que nesse ponto, eu compartilho alguma coisa com o resto dos seres humanos viventes). Eu sofro da dádiva e o pesadelo da minha geração: as possibilidades.

Eu não quero somente um padrão elevado de vida, com um emprego estável e umas viagens internacionais (eu sei como fazer isso, tenho facilidade com números e sou ótima para fazer o que mandam), mas também não quero largar a estrutura que esse estilo de vida possibilita, fazendo o que me dá ta telha. Young, but I’m not that bold. Eu quero algo maior. Quero fazer com que a minha paixão seja o motivo do meu sucesso. Quero o melhor dos dois mundos. Eu quero trabalhar duro pra ver meu sonho se tornando realidade (seja ele qual for – e eu nunca imaginei que sonho faltaria para mim algum dia). Eu sei que isso é possível, e tenho um grande exemplo disso.

Eu sempre acabo esses textos com uma solução, no parágrafo final, mas dessa vez não tem. Queria muito que tivesse. Queria um insight agora. Mas não foi dessa vez.

E, nem acho que esse tenha sido um dos meus melhores textos, daqueles que eu tenho orgulho de compartilhar no Facebook, mas eu precisava desabafar. Valeu, por ser meu ouvinte/leitor, pessoa do outro lado da tela.

Ah, sei lá… Talvez eu precise me perder, pra poder me  encontrar. Talvez seja isso.